O ano das Vilas ~ Na Cadência da Bateria

.

.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

O ano das Vilas

Festa da Sabiá começou na Concha Acústica e terminou na Vila

Se na Capital deu Vila Isabel, em Niterói foi a Vila Ipiranga quem faturou o título. A comunidade do Fonseca comemorou muito o campeonato da Sabiá, o segundo desde sua volta em 2009 e o quinto de sua história. A verde e branca superou suas principais rivais “Tá Mole mas é Meu” e Folia do Viradouro, após a abertura dos envelopes nesta quinta-feira, 14 de fevereiro. Apuração este ano foi na Concha Acústica, já que o Clube Canto do Rio, local onde tradicionalmente é realizada a apuração, foi interditado pelo Corpo de Bombeiros.
Como a equipe da Cadência da Bateria já havia publicado, a disputa foi acirrada. A Folia do Viradouro, campeã de 2012, manteve-se mais tempo na liderança. No final, o Tá Mole mas é Meu assumiu a ponta, mas uma nota 9 em harmonia, último quesito apurado, deu o título à Sabiá. “O diferencial da Sabiá não foi a bateria, nem a comissão de frente, fantasias ou alegorias. O diferencial da Sabiá foi o conjunto total. Todos somaram pontos para torná-la a campeã do carnaval. Foi uma correria, nas últimas duas semanas, mas fizemos um belíssimo desfile. Agradeço a toda comunidade da Vila Ipiranga”, disse o presidente Jhonatan Anjos.

Tá Mole e Folia terminaram empatadas em segundo lugar, mas devido a maior quantidade de notas 10, a agremiação da Bonfim faturou o vice-campeonato. A Região Oceânica ficou em quarto, a Independente do Boaçu em quinto e a Mocidade Independente de Icaraí, que perdeu um ponto por não ter apresentado número mínimo de baianas ficou em sexto. O Grupo dos Quinze foi rebaixado para o Grupo de Acesso em 2014. Indignado com a colocação da Mocidade, o vice-presidente da escola, Mauro do Preparo ameaçou não desfilar em 2014. “Isso é sacanagem! Se essa estrutura se mantiver ano que vem não desço com a escola”, desabafou Mauro à reportagem da Cadência da Bateria.

Império de Araribóia surpreendeu e foi campeã do Acesso
A vice campeã Magnólia Brasil na elite em 2014
Rivalidade – Eles estrearam no carnaval de Niterói em 2009, desfilando para avaliação e com nomes semelhantes: Magbloco e Araribloco. Suas cores são os mesmos azul- e-branco e verde-e-branco da Portela e do Império Serrano que protagonizaram a maior rivalidade da história do carnaval. Em 2010, pelo segundo grupo de blocos, o Magbloco levou a melhor. Em 2011, já no 1º grupo, deu Araribloco. Promovidos à escola de samba tiveram de mudar de nome e viraram Magnólia Brasil e Império de Araribóia. No carnaval de 2012, após a leitura das notas a Magnólia ficou em segundo, e o Império em quarto. Houve muita reclamação por parte dos integrantes do Império e as notas foram recontadas. O Império ficou com o vice, e a Magnólia Brasil, que perdeu 4 pontos em cronometragem e concentração, em terceiro. Mesmo não sendo promovidas ao grupo principal a decisão foi muito comemorada pelos componentes do Império. Neste carnaval a rivalidade voltou à tona. O Império, campeão do grupo de acesso, e a Magnólia, vice, chegam juntas ao Grupo Principal. Em 2014 um novo capítulo dessa disputa será inscrito na história do carnaval de Niterói.

Decepção – Apontada pela equipe da Cadência da Bateria como favorita, o Cacique da São José ficou apenas com o terceiro lugar, posição que decepcionou os componentes da escola presentes na apuração. Em quarto, a Garra de Ouro. Seguida de Unidos do Sacramento, Bem Amado e Souza Soares. Apontada pela equipe da Cadência de Bateria como uma das favoritas, a escola de Santa Rosa foi penalizada em 12 pontos, por ter atrasado sua entrada na avenida, e viu a chance de retornar à elite mais distante.  União da Engenhoca, ficou em último e vai desfilar no Grupo Especial de Enredo em 2014.

Brilhou a estrela da Ilha da Conceição no Grupo de Enredo
Experimenta avança – No Grupo Especial de Enredo, brilhou a estrela do Experimenta. A agremiação da Ilha da Conceição ficou com a primeira colocação e desfila como escola de samba em 2014, assim como o Balanço do Fonseca, vice-campeão. Amigos da Ciclovia, Ferimento Leve, Fora de Casa e Unidos de Piratininga, todos punidos com atrasos de inicio ou tempo de desfile, desceram para a categoria de Blocos de Embalo. O presidente do Fora de Casa, Jorginho do Bairro, era um dos mais exaltados após o anúncio da perda de 17 pontos. “Covardia o que fizeram comigo. Desfilei no tempo. O atraso foi por causa do bloco que desfilou antes de nós”, justificou Jorginho. Mesmo se todos os pontos perdidos tivessem sido computados o Fora de Casa estaria entre os rebaixados.

Presidente do Fora de Casa reclamou muito da perda de 17 pontos
Combinado indefinido – Desfilando para avaliação, o Combinado do Amor, mais antiga escola de samba de Niterói, ainda espera definições sobre seu futuro. “Fui informado que a avaliação do meu desfile será apresentada apenas na primeira reunião preparatória para o carnaval 2014. Espero esse resultado e definição sobre o grupo de desfile para iniciar o carnaval o quanto antes”, informou Carlos Xororó, presidente da escola do Caramujo.
Reações:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Aconteceu na Avenida

Aconteceu na Avenida
O editor do blog, Luiz Eugenio, entrevistando o intérprete Willian no Carnaval 2008

Personagens da Folia

Personagens da Folia
Rodrigo Fontes, coreógrafo da Comissão de Frente da Sabiá

Musa da Cadência 2013

Musa da Cadência 2013
Danúbia Gisela, a madrinha da bateria do GRES Tá Mole mas é Meu

Momentos do Carnaval 2013

Momentos do Carnaval 2013
Jéssica. Porta-bandeira do Experimenta da Ilha

Explosão da Folia

Explosão da Folia

Folia e Souza. Campeãs 2015

Folia e Souza. Campeãs 2015